Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Música Tradicional da Beira Baixa

Domingo, 14.06.09

MARIA FAIA

 

 

Eu não sei como te chamas 

Oh Maria Faia!
Nem que nome te hei-de eu pôr
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

 

Cravo não, que tu és rosa
Oh Maria Faia!
Rosa não, que tu és flor
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

 

Não te quero chamar cravo
Oh Maria Faia!
Que te estou a engrandecer,
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

 

Chamo-te antes espelho
Oh Maria Faia!
Onde espero de me ver,
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

 

O meu amor abalou
Oh Maria Faia!
Deu-me uma linda despedida,
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

 

Abarcou-me a mão direita
Oh Maria Faia!
Adeus oh prenda querida,
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

 

 

 SENHORA DO ALMURTÃO

    

 

Senhora do Almurtão

Onde tendes a morada

Nas campanhas da Idanha

Numa casa caliada

 

 

Olha a laranjinha

Que caiu caiu

No cimo do monte

Nunca mais se viu

 

Olha a laranjinha

Que caiu caiu

Num regato d'água

Nunca mais se viu

 

 

Senhora do Almurtão

Vinde me esperar ao rio

Que eu sou mocinha solteira

Não me encontram no baldio

 


Olha a laranjinha

Que caiu, caiu

No cimo do monte

Nunca mais se viu

 

 

Olha a laranjinha

Que caiu caiu

Num regato d’água

Nunca mais se viu

 

 

Senhora do Almurtão

Que dais ao vosso menino

Todos os meninos choram

Só vosso se está rindo

  

Olha a laranjinha 

Que caiu caiu

No cimo do monte

Nunca mais se viu

  

Olha a laranjinha 

Que caiu caiu

Num regato d’água

Nunca mais se viu

  

 

Senhora do Almurtão 

Quem vos varreu a capela

Foi o ranchinho de Monsanto

Com raminhos de marcela

 

Olha a laranjinha

Que caiu caiu

No cimo do monte

Nunca mais se viu

 

Olha a laranjinha 

Que caiu caiu

Num regato d’água

Nunca mais se viu

 

  

AO ROMPER DA BELA AURORA...

 

 

Gosto de quem canta bem

Que é uma prenda bonita

Não empobrece ninguém

Assim como não enrica

   

Ao romper da bela aurora 

Vem um pastor da choupana

Vem gritando em altas vozes

Muito padece quem ama

 

Muito padece quem ama 

Mais padece quem namora

Vem um pastor da choupana

ao romper da bela aurora

 

Ao romper da bela aurora 

Vem um pastor da choupana

Vem gritando em altas vozes

Muito padece quem ama

 

Muito padece quem ama 

Mais padece quem namora

Vem um pastor da choupana

ao romper da bela aurora

  

 

MILHO VERDE

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Milho verde, milho verde

Milho verde maçaroca
À sombra do milho verde
Namorei uma cachopa

Milho verde, milho verde
Milho verde miudinho
À sombra do milho verde
Namorei um rapazinho

Milho verde, milho verde
Milho verde folha larga
À sombra do milho verde
Namorei uma casada

Mondadeiras do meu milho
Mondai o meu milho bem
Não olhais para o caminho
Que a merenda já lá vem

 

 

Ó ENTRUDO, Ó ENTRUDO 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ó entrudo, ó entrudo

Ó entrudo chocalheiro
Que não deixas assentar
As mocinhas ao soleiro

Eu quero ir para o monte (bis)
Que no monte é que estou bem (bis)
Eu quero ir para o monte (bis)
Onde não veja ninguém, 
que no monte é que estou bem

  

Estas casas são caiadas (bis)
Quem seria a caiadeira (bis)
Foi o noivo mais a noiva (bis)
Com o ramo de laranjeira, 
quem seria a caiadeira.

 

 

QUANDO EU ERA PEQUENINO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Quando eu era pequenino

Quando eu era pequenino

Acabado de nascer

Acabado de nascer

Ainda mal abria os olhos

Ainda mal abria os olhos

Já eram para te ver

Já eram para te ver


Refrão


pararara parararara pararara parararara pararara

pararara (bis)

 

Quando eu já for velhinho

Quando eu já for velhinho

Acabado de morrer

Acabado de morrer

Olha bem para os meus olhos

Olha bem para os meus olhos

Sem vida hão de te ver

Sem vida hão de te ver

 

Refrão

 

pararara parararara pararara parararara pararara

pararara (bis)

 

 

 

 Tuturututurotro Tuturoro pam pam pam pam pam pam


 

Quando eu era pequenino

Quando eu era pequenino

Acabado de nascer

Acabado de nascer

Ainda mal abria os olhos

Ainda mal abria os olhos

Já eram para te ver

Já eram para te ver

  

 

 

 Refrão

  

Refrão

pararara parararara pararara parararara pararara

pararara (bis 3x)

 

 

Sites consultados:

http://www.youtube.com

http://letras.terra.com.br

http://www.mardefora.com

http://www.attambur.com

http://www.cabcudos.com

http://www.letras.com.br

http://www.geocities.com/jteodosio/Musica.htm

http://natura.di.uminho.pt/~jj/musica/html/beirabaixa-entrudo.html

 

 

 {#emotions_dlg.chat}

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por VANDOVSKY às 22:30


5 comentários

De mfssantos a 17.06.2009 às 09:04

Obrigada por juntar e oferecer pérolas da Beira Baixa!
MfsSantos

De pedro a 01.11.2010 às 22:05

ainda falta aquela "na beira baixa nao ha canteiro mais belo que a minha terra ah beirinha do castelo", pena nao saber o nome

De VANDOVSKY a 01.11.2010 às 23:29

Essa não conheço... Mas vou tentar descobrir e quando encontrar, aqui vai aparecer!!

De VANDOVSKY a 04.01.2014 às 20:22

Parece que finalmente encontrei a música que faltava, afinal... nunca é tarde: http://vandovsky.blogs.sapo.pt/71209.html

Comentar post





      

mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Junho 2009

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930






comentários recentes

  • VANDOVSKY

    Obrigada... Bom Ano...

  • Milton

    Uma singela postagem.Cordial abraço e um excelente...

  • linda

    Saudades dos que a minha avó fazia:'(

  • VANDOVSKY

    Parece que finalmente encontrei a música que falta...

  • Libania Neves

    Ora aqui está um post, que é uma verdadeira lição ...

  • Libania Neves

    fiquei com vontade de conhecer!

  • Libânia

    belo e "doce" post!

  • Existe um Olhar

    Adorei esta ideia dos puzzles! Pequenos detalhes q...

  • VANDOVSKY

    Olá Manu,Tal como comecei por dizer neste post, es...

  • Existe um Olhar

    Um passeio muito bonito que fiz através do teu olh...