Sexta-feira, 18 de Maio de 2012

Séries portuguesas

Hoje quero deixar aqui uma pequena homenagem à produção portuguesa, e respectivos actores, que considero de qualidade destacando algumas das séries que mais me marcaram.

 

Residencial Tejo

 

Programa de humor português, realizado por Fernando Ávila, teve a sua estreia na SIC em 19/11/1999, e contou com um grande elenco:

 

Maria do Céu Guerra, Fernanda Borsatti, Canto e Castro, Anna Paula, António Vitorino D’Almeida, Vera Alves, Fátima Belo, Paula Guedes, Ana Padrão, Jorge Mourato, Alexandre Ferreira, Luís Thomar, Ana Filipa Machado, Ilda Roquete, Filipa Serra Coelho, e Rúben Mendes, Maria João Luís

 

Uma casa de hóspedes, à beira do rio, é ponto de encontro de pessoas de todos os cantos do país, local de passagem de figuras curiosas e lugar onde sucedem as situações engraçadas. No centro da vida da Residencial Tejo estão as aventuras e desventuras da Matilde e dos hóspedes habituais que lá moram.

 

A Tia Matilde é a dona e gerente mas, na prática, é a sobrinha Seição (Maria do Céu Guerra) quem se ocupa do governo da casa. Na companhia do pai Horácio (Canto e Castro), Seição deixou para trás o Alentejo (e os negócios do pai que levaram a família a uma situação desesperada) e mudou-se para Lisboa.

 

O mais interessante desta série consiste no facto de ser gravada ao vivo, perante uma audiência, a meio caminho entre o teatro e o programa de ficção gravado para TV. Um facto determinante para o sucesso da série, conferindo-lhe um ar mais genuíno.

 

Existem pequenas falhas nos actores que são ultrapassadas pela emoção entre o «directo», o «ao vivo» e a «audiência». Ali, em rigor, só se faz uma vez - como na vida real, pois não existe a possibilidade de gravar e regravar, as vezes necessárias até sair bem. Ali, como sair, assim fica. Em Residencial Tejo vê-se que há uma diferença de actuação, de comportamento dos actores relativamente ao resto das séries. Esse facto é essencial para a relação do espectador com ela.

 

Não admira pois que a produtora tenha tido a necessidade de ir buscar não só uma protagonista de alto gabarito, actriz de teatro com grande experiência de grandes e pequenos palcos, como outros actores de teatro muito experimentados, como Anna Paula, Fernanda Borsatti e Canto e Castro.

 

 

 

Velhos Amigos

 

Uma série divertida... mas com um tema para refletir

 

Velhos Amigos” é o retrato comovente de três idosos e uma criança numa aventura de redescoberta da vontade de viver e de um país de beleza e património inigualável.

 

Carlos, José e Matias são três amigos, entre os setenta e os oitenta anos que se conhecem desde o tempo de criança. José vive com a filha, o genro e o neto, Pedro de nove anos. Tem no neto o único motivo de contentamento. Carlos é reformado e passa o seu tempo fazendo pequenos biscates. Matias é viúvo e vive sozinho, quase ao abandono, já que o filho está no estrangeiro. Os três têm personalidades muito vincadas, mas estão ao mesmo tempo unidos por uma grande amizade. Uma série que retrata um encontro de gerações de avós e netos.

 

Luís Alberto, Orlando Costa, João Maria Pinto e o pequeno Miguel Jesus, de nove anos, constituem o elenco da série que, ao longo de 26 episódios, vai contar com a participação de dezenas de actores séniores, como Florbela Queiroz ou Maria do Céu Guerra, entre outros.

 

 

Um Lugar Para Viver

 

Um Lugar Para Viver é uma série de comédia, com algum humor negro, composta por 13 episódios, que estreou no dia 24 de Setembro de 2009, foi emitida às quintas-feiras às 21h30m na RTP1 até a sua transmissão ter terminado com a exibição do último episódio no dia 17 de Dezembro de 2009.

Produzida pela Plano 6 para a RTP1, este programa retrata as aventuras de uma estranha família de emigrantes portugueses que regressa de França, numa autocaravana, para recomeçar a vida em Portugal. A conjugação de disfuncionalidades da família, aliada ao facto de viajarem com a matriarca morta numa arca congeladora, resulta num rol alucinante de peripécias, que os leva de terra em terra. A série é protagonizada por vários actores como Rui Mendes, Adelaide João, João Lagarto, Ana Bustorff, Carla Andrino, Joana Santos, Pedro Barros, Philippe Leroux, e os estreantes Isabel Figueira e Rodrigo Vallejo, os quais  vão percorrer várias regiões, à procura de um sítio para viverem.

 

 

O início

publicado por VANDOVSKY às 15:22
link do post | comentar | favorito
                     Este    Blog              utiliza     o      Google                  Chrome

restos de mim

encontre outros restos

 

Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30


novos restos

Primavera

Inscrição para uma lareir...

A neve

Quando Está Frio no Tempo...

David Bowie... Sempre

Winter Wonder

Menino

Clandestinos do Amor

UPI na Escola

Momentos de inspiração VI...

Momentos de inspiração VI

Momentos de inspiração V

Palavras de mãe

Dá-me um beijo

Dia nacional do estudante

Dia da mulher

Vamos adivinhar II

O Vento que soa...

De passagem por Monsanto....

A cerimónia do chá II

restos conservados

mais inspiradores

tags

todas as tags

restos especiais

Música Tradicional da Bei...

A minha Aldeia

Aldeias Históricas... e n...

Momento musical

outros caminhos