Domingo, 19 de Dezembro de 2010

Uma história singular

 

 

 

Uma linda manhã de Outono andava uma galinha a passear melancólica, debaixo duma parreira, quando um bago de uva combalido, desprendendo-se do cacho, lhe caíu precisamente sobre a crista vermelhinha. Assustadíssima, desatou a correr até encontrar um galo.

 

- Onde vais com tanta pressa, querida e formosa amiga? - perguntou ele um pouco ironicamente.

- Vou avisar El-rei de que o céu está a cair. Há bocadinho caíu-me um pedaço tão grande em cima da cabeça, que por milagre não me matou.

- Nesse caso vou contigo.

 

E ambos se deitaram a correr, até que encontraram um pato, que lhes preguntou surpreendido:

 

- Mas o que é que aconteceu?

- Vamos avisar El-rei de que o céu está a cair.

- Nesse caso, eu também vou.

 

E desataram a correr, até que encontraram um ganso.

 

- Mas, o que é isso, meus amigos? - preguntou ele assustado.

- Vamos avisar El-rei de que o céu está a cair.

- Nesse caso, eu também vou.

 

E a galinha, e o galo, e o pato, e o ganso, desataram a correr, até que encontraram um pavão, que lhes preguntou, gritando:

 

- Mas, o que vem a ser isso, queridíssimos amigos?

- Vamos avisar El-rei de que o céu está a cair.

- Nesse, caso, eu também vou.

 

E desataram a correr, até que encontraram uma raposa.

 

- O que significa tanta pressa? - perguntou ela, sorrindo.

- Vamos avisar El-reí de que o céu está a cair.

- Mas, têm a certeza de que é este o caminho para a cidade?

- Não; realmente não sabemos ... - disseram todos ao mesmo tempo, desconcertados, a olhar uns para os outros.

- Ah! então, tiveram sorte, com o meu encontro - disse a raposa. - Eu vou ensinar-lhes o verdadeiro caminho: chegam lá rapidamente. Queiram ter a bondade de me seguir.

 

E seguiram atrás dela. Por fim, pararam ao pé dum subterrâneo, e a raposa exclamou:

 

- Podem entrar. É esta uma das portas secretas da cidade.

 

Entraram todos, e, uma vez lá dentro, foram comidos pela raposa, pelo marido e pelos filhos.

E tudo isto por causa dum bago de uva.

(A. Boto)

 

"Baloiçando"

Leituras para a 2ª classe

Ensino primário elementar

Livraria Bertrand

publicado por VANDOVSKY às 00:05
link do post | comentar | favorito

                     Este    Blog              utiliza     o      Google                  Chrome

restos de mim

encontre outros restos

 

Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30


novos restos

Primavera

Inscrição para uma lareir...

A neve

Quando Está Frio no Tempo...

David Bowie... Sempre

Winter Wonder

Menino

Clandestinos do Amor

UPI na Escola

Momentos de inspiração VI...

Momentos de inspiração VI

Momentos de inspiração V

Palavras de mãe

Dá-me um beijo

Dia nacional do estudante

Dia da mulher

Vamos adivinhar II

O Vento que soa...

De passagem por Monsanto....

A cerimónia do chá II

restos conservados

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

mais inspiradores

tags

todas as tags

restos especiais

Música Tradicional da Bei...

A minha Aldeia

My favourite time of year

Aldeias Históricas... e n...

Momento musical


outros caminhos


Be Happy!!

Directorio de Blogs Portugueses